Economista: Simulador de realidade virtual deveria estar na rotina das empresas

Economista: Simulador de realidade virtual deveria estar na rotina das empresas

O Papo com a Nexo de hoje entrevistou o economista e Gerente de Projetos de Inovação no Sebrae –RS, Gustavo Schneck Moreira. Gustavo é pós-graduado em Finanças Empresariais (FGV-RS) e atua desde 2009 na gestão técnica e financeira de projetos junto a empresas de micro e pequeno porte dos mais distintos setores econômicos, além de incubadoras e Parques Tecnológicos.
O economista acredita que o simulador de realidade virtual imersiva deveria ser utilizado com frequência pelas empresas, independente da sua área de atuação. Confira o bate-papo:

Nexo: Qual é a importância de uma empresa ser inovadora nos dias de hoje?
Gustavo: Importância total. Dentro de um cenário cada vez mais globalizado e competitivo, é essencial para empresas que queiram sobreviver no mercado que vejam a inovação como prioridade, trabalhando a mesma de uma forma sistêmica.

Nexo: O que você acha de aplicar treinamento em funcionários de uma empresa através de cursos online?
Gustavo: Acho bastante interessante, por levar conhecimento aos funcionários de um forma prática e objetiva. Além disto, tem a questão da flexibilidade de horário e autonomia.

Nexo: Na sua opinião, qual é o ganho em produtividade para a empresa que aplica cursos online de capacitação? E há redução de custos?
Gustavo: Sim, ganha-se com a redução de deslocamentos, refeições, etc, além da flexibilidade de horário. Posto este cenário, com certeza, há redução de custos neste modelo.

Nexo: Você já experimentou um simulador de realidade virtual imersiva? Se ainda não experimentou, você conhece? O que você acha de sua utilização para capacitar funcionários de uma empresa?
Gustavo: Já, algumas vezes e com modelos distintos. Acho um modelo de negócio bastante interessante (dinâmico, prático) que deveria ser utilizado com frequência pelas empresas, independente da sua área de atuação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *